Campeonato Paulista 2018

11.03.2018

Red Bull Brasil perde para o São Paulo

Toro Loko sai na frente, mas leva a virada na última rodada do Paulistão

O Red Bull Brasil encerrou sua participação na fase de grupos do Paulistão neste domingo, contra o São Paulo, no Morumbi. O time campineiro até saiu à frente no placar, mas levou a virada e perdeu por 3 x 1.

“A gente fez um primeiro tempo relativamente bom, fomos competitivos e criamos chances. No segundo, o jogo de quinta pesou para a gente fisicamente. Com as trocas, eles criaram mais oportunidades”, disse o técnico Ricardo Catalá.

Agora, a equipe se prepara para a disputa do Troféu do Interior. As datas das partidas ainda serão definidas nesta semana.

“Nós desenvolvemos bastante coisa pensando em jogar neste campeonato, mas precisávamos ter sido mais decisivos. Agora, tem a disputa do Troféu do Interior, que nos dá uma chance de título. Além disso, tem a vaga na Copa do Brasil, que pode tornar nosso calendário de 2019 mais interessante”, completou o treinador.

O JOGO

O Red Bull Brasil começou pressionando a saída de bola são-paulina e conseguiu aproveitar logo no começo da partida. Aos oito minutos, Claudinho roubou a bola no campo de ataque e tocou para Eder Luis. O camisa 10, já dentro da área, ajeitou de peito para Edmilson abrir o placar.

O São Paulo respondeu com Nenê, que pegou de primeira e obrigou Julio Cesar a fazer boa defesa. O camisa 7 atacou novamente aos 31, com bom cruzamento da direita. Nininho tentou cortar e acabou marcando contra.

Fazendo jogo equilibrado, o Toro Loko quase marcou o segundo com Anderson Marques, de cabeça. Também pelo alto, Arboleda teve melhor sorte e acertou o canto esquerdo, aos 22 minutos.

Embalado, o Tricolor ampliou aos 26, com Marcos Guilherme, em um chute cruzado, dando números finais à partida.

 

FICHA TÉCNICA

São Paulo 3 x 1 Red Bull Brasil

Local: Morumbi, em São Paulo

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho

Público e renda: 9.226/R$ 229.340

Cartões amarelos: Pedro Augusto (São Paulo); Rayne e Anderson Marques (Red Bull Brasil)

Gols: Edmilson (9/1T), Nininho (contra, 31/1T), Arboleda (22/2T) e Marcos Guilherme (26/2T)

São Paulo: Jean; Bruno, Arboleda, Aderllan e Júnior Tavares; Petros, Pedro Augusto (Liziero) e Nenê; Caíque (Valdivia), Diego Souza e Trellez (Marcos Guilherme)

T: André Jardine

Red Bull Brasil: Julio Cesar; Nininho, Anderson Marques, Tiago Alves e Breno Lopes; André Castro, Rayne (Doriva) e Thomaz (Matheus Oliveira); Eder Luis, Claudinho e Edmilson (Tatá)

T: Ricardo Catalá