Campeonato Paulista 2016

28.02.2016

Gigante, Red Bull Brasil bate o Santos

Toro Loko faz ótimo jogo do começo ao fim e vence por 2 x 0

Era o Santos de Ricardo Oliveira e Lucas Lima, mas o Red Bull Brasil se mostrou um time de guerreiros.

Com ótima consistência defensiva e mortal no ataque, o Toro Loko venceu a partida, em São José dos Campos, neste domingo, por 2 x 0, gols de Thiago Galhardo e Roger.

“Fizemos um excelente primeiro tempo. Não deixamos eles criarem, criamos e saímos na frente em uma roubada de bola. No segundo tempo, a ideia era criar mais, mas o Santos veio para cima e deixou espaço para os contra-ataques. Só precisamos ser um pouco mais eficientes para marcar mais cedo e controlar melhor a partida”, analisou o técnico Mauricio Barbieri.

Com 10 pontos, apenas um atrás do vice-líder Água Santa, o time campineiro voltará a campo no próximo domingo, contra o São Bento, no Moisés Lucarelli, às 18:30.

“Temos de pensar um jogo de cada vez. O próximo é contra o São Bento, então o foco é total neles”, completou Barbieri.

O JOGO
Bem armado dentro de campo, o Red Bull Brasil começou a partida com menos posse de bola, mas sendo mais efetivo. Enquanto o time campineiro chegou ao ataque em quatro oportunidades, o Peixe só ameaçou uma vez.

Era questão de tempo até o gol sair e ele veio aos 37 minutos. Thiago Galhardo roubou a bola no meio de campo, tabelou com Roger e tocou rasteiro para abrir o placar.

O Toro Loko voltou com tudo na etapa final e, com um minuto, já havia criado duas chances de perigo. O problema foi que, depois disso, o Santos acordou.

Joel, Gabriel, Lucas Lima… O time da Baixada veio com tudo, mas o Red Bull Brasil mostrou que não é só ataque. Saulo e a defesa seguraram todas as investidas.

Melhor para o Toro Loko, que, no finalzinho, marcou o segundo. Gustavo Henrique desviou contra e, em cima da linha, Roger garantiu o 2 x 0.

FICHA TÉCNICA
RED BULL BRASIL 2 x 0 Santos

Local: Estádio Martins Ribeiro, em São José dos Campos
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo
Público e renda: 6.191/R$ 293.970
Cartões amarelos: Luan, Drausio e Breno Lopes (RED BULL BRASIL)
Gols: Thiago Galhardo (37/1T) e Roger (42/2T)

RED BULL BRASIL: Saulo; Everton Silva, Anderson Marques, Diego Sacomam e Willian Rocha (Misael); Luan, Maylson e Thiago Galhardo (Arthur Caculé); Edmilson (Drausio), Roger e Breno Lopes
T: Mauricio Barbieri

Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia (Vitor Bueno), Renato, Serginho (Patito Rodriguez) e Lucas Lima (Joel); Gabriel e Ricardo Oliveira
T: Dorival Júnior

Red Bull Brasil 2 x 0 Santos