Copa Paulista

24.09.2016

Tudo igual! Toro Loko fica no 1 x 1 com o Nacional

Red Bull Brasil sai na frente, mas cede o empate e leva um ponto para Campinas

Na estreia da segunda fase da Copa Paulista, o Red Bull Brasil bem que tentou e, com um gol relâmpago, deu pinta de que venceria o Nacional, fora de casa. Mas o time mandante conseguiu empatar ainda na primeira etapa e o 1 x 1 se manteve até o fim.

“Foi um jogo um pouco atípico em relação aos que a gente vinha fazendo. O gol saiu rápido, campo um pouco ruim de tocar a bola, mas o empate não foi de todo ruim. Pontuamos fora de casa e vamos brigar agora para conseguirmos os três pontos jogando em Campinas”, disse o técnico Mauricio Barbieri.

O Toro Loko volta a campo na próxima quarta-feira, às 19:00, contra o Comercial, no Moisés Lucarelli.

 

O JOGO

A partida começou bastante agitada no Nicolau Alayon. No primeiro lance de perigo do Red Bull Brasil, logo aos dois minutos, Bruno Alves aproveitou bom cruzamento de Igor Sartori e cabeceou para o fundo da rede.

Não tinha jeito melhor de começar a partida. O problema foi que o troco do Nacional aconteceu quase na mesma velocidade. Aos cinco minutos, Jobson aproveitou rebote de Saulo em cobrança de falta e bateu forte para empatar.

As chances de gol não continuaram no mesmo ritmo. Na primeira etapa, o time campineiro teve uma boa oportunidade com Denner, após saída errada do goleiro. Mas também viu Saulo espalmar o chute de Emerson Mi.

Na etapa final, a situação pouco mudou de figura. Saulo voltou a trabalhar em finalização de Tuco e viu Maurinho acertar a trave. Como resposta, Erik até chegou a balançar a rede, mas o assistente indicou que o camisa 9 havia dominado a bola com a mão.

Depois de um começo relâmpago, a bola insistiu em não entrar para nenhum dos dois lados e o 1 x 1 se manteve até o apito final.

 

FICHA TÉCNICA

Nacional 1 x 1 RED BULL BRASIL

 

Local: Estádio Nicolau Alayon, em São Paulo

Árbitro: Alessandro Darcie

Público e renda: 240 / R$ 2.960

Cartões amarelos: Jobson, Luiz Azevedo (Nacional); Denner (RED BULL BRASIL)

Gols: Bruno Alves (2/1T) e Jobson (5/1T)

 

Nacional: Matheus; Thiaguinho, Pedro, Bruno Lima e Felipe Emanuel; Luiz Azevedo, Jobson, Tuco (Maurinho), Emerson Mi e Caio Mendes (Carrara); Anderson Magrão

T: Alex Alves

RED BULL BRASIL: Saulo; Bruno Ferreira, Willian Magrão, Willian Rocha e Guilherme Lazaroni; Pedro Naressi, Denner (Caíque) e Branquinho (Milton Júnior); Bruno Alves (Wellington Rato), Erik e Igor Sartori

T: Mauricio Barbieri