Campeonato Paulista 2018

17.03.2018

Toro Loko perde para o Mirassol

Time marca primeiro, mas leva a virada na etapa final: 3 x 1

O Red Bull Brasil não estreou como gostaria no Troféu do Interior. Jogando fora de casa, a equipe até saiu na frente do Mirassol, mas levou a virada e perdeu por 3 x 1.

“Tivemos uma chance claríssima com dois minutos do segundo tempo, mas a gente, mais uma vez, não foi decisivo. Isso pesa contra a gente”, disse o técnico Ricardo Catalá.

O time volta a campo na próxima terça-feira, contra o São Bento, às 18h, em Campinas.

“Temos dois jogos e temos a obrigação de vencer os dois se a gente almeja algo na competição”, completou o treinador.

O JOGO

O sol forte não impediu que a partida fosse movimentada desde o começo. Julio Cesar fez milagre em cabeçada de Jesiel dentro da pequena área. O Red Bull Brasil respondeu com Edmilson, que obrigou Ygor Vinhas a buscar no canto direito.

As chances estavam aparecendo e, aos 38 minutos, a rede balançou. Edmilson recebeu pela direita e tocou para Eder Luis, que tirou o marcador e chutou no canto para abrir o placar.

Na volta do vestiário, o Toro Loko quase ampliou. Thomaz pegou o rebote do chute de Edmilson e arriscou, mas Ygor Vinhas segurou.

O lance parece ter dado ânimo para o Mirassol. Alison empatou aos 14 e Xuxa marcou o segundo, de pênalti, aos 25. O próprio Alison ampliaria aos 33, dando números finais ao confronto.

FICHA TÉCNICA

Mirassol 3 x 1 Red Bull Brasil

 

Local: Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol

Árbitro: Adriano de Assis Miranda

Público e renda: 4.798 / R$ 38.248

Cartões amarelos: Edson Silva (Mirassol); Doriva, Ewerton Páscoa e Thiago (Red Bull Brasil)

Gols: Eder Luis (38/1T), Alison (14 e 33/2T) e Xuxa (25/2T)

Mirassol: Ygor Vinhas; Danilo Boza, Jesiel, Edson Silva e Willian Simões (Guilherme Castilho); Léo Baiano, Luís Oyama, Douglas Baggio (Gilsinho) e Xuxa (Riccielli); André Luís e Alison

T: Moisés Egert

Red Bull Brasil: Julio Cesar; Nininho (Thiago), Ewerton Páscoa, Tiago Alves e Breno Lopes; André Castro, Doriva e Eder Luis (Deivid); Thomaz (Aguilar), Claudinho e Edmilson

T: Ricardo Catalá