Copa Paulista

15.09.2018

Red Bull Brasil empata fora de casa

Toro Loko cria chances, mas fica no 0 x 0 com o Rio Claro

Embalado pela goleada sobre o Noroeste na última rodada, o Red Bull Brasil viajou disposto a conseguir a segunda vitória consecutiva na Copa Paulista. Até tentou, mas o gol não saiu e acabou ficando no 0 x 0 como Rio Claro.

“O campo atrapalhou um pouco, o tempo, também. Quente, jogo às 15h, acaba afetando. Até porque jogamos na quarta, foram apenas dois dias de recuperação e o pessoal sentiu, mas criamos chances. Vamos trabalhar em cima disso, corrigir o que erramos, para que a gente consiga a classificação na quarta”, disse o técnico Antônio Carlos Zago.

Com o empate, o Toro Loko chegou a 13 pontos. O time volta a campo na próxima quarta-feira, também fora de casa, às 20h, contra a Inter de Limeira.

“Vamos jogar contra um time que talvez jogue sua última chance na competição, mas temos de fazer a nossa parte e conseguir a classificação”, completou o treinador.

O JOGO

A qualidade do gramado dificultou o jogo trabalhado do Red Bull Brasil. Ainda assim, o time criou oportunidades com Claudinho e Léo Castro, mas o goleiro conseguiu segurar.

Os donos da casa responderam com Lucas, que saiu cara a cara com Julio Cesar, mas chutou para fora. O camisa 1 do Toro Loko voltou a trabalhar em chute perigoso de Leandro e segurou o 0 x 0 até o intervalo.

Na etapa final, o equilíbrio se manteve. Léo Castro recebeu boa bola dentro da área, mas demorou um pouco para finalizar e foi travado.

O zagueiro do Rio Claro, Michel, até conseguiu finalizar bem de cabeça, mas Julio Cesar foi buscar.

Antônio Carlos Zago ainda colocou os atacantes Eduardo e Ytalo e o meia Lucas Nathan. O time foi para cima e Ytalo deu bom chute cruzado, defendido por Dheimison.

O dia não era mesmo dos atacantes e o 0 x 0 permaneceu no placar até o apito final.

 

FICHA TÉCNICA

Rio Claro 0 x 0 Red Bull Brasil

Local: Estádio Dr. Augusto Schimidt Filho, em Rio Claro

Árbitro: Cleber Luis Paulino

Público e renda: 203/R$ 2.140

Cartões amarelos: Rafael (Rio Claro); Gustavo (Red Bull Brasil)

Rio Claro: Dheimison; Kellyton, Mateus, Michel e Mateus; Felipe (Alaor), Franco e Rafael (Emanuel); Matheus, Leandro e Lucas (Leonardo)

T: Adilson Teodoro

Red Bull Brasil: Julio Cesar; Lucas Urias, Anderson Marques, Sueliton e Rayne; Jean, Maicon e Everton (Ytalo); Gustavo (Eduardo), Léo Castro e Claudinho (Lucas Nathan)

T: Antônio Carlos Zago