Copa Paulista

25.08.2018

Toro Loko arranca empate com o Desportivo Brasil

Red Bull Brasil fica com 2 x 0 contra no placar, mas faz o 2 x 2 aos 45 do segundo tempo

Foi suado, parecia que a primeira derrota na Copa Paulista viria, mas o Red Bull Brasil conseguiu conquistar um ponto em Porto Feliz, contra o Desportivo Brasil: 2 x 2 no marcador.

Depois de estar perdendo por 2 x 0, Claudinho, que voltou ao clube nesta semana, e Ytalo garantiram a igualdade no marcador.

“Não fez um primeiro tempo ruim, mas pouco inteligente. Perdemos bola em zonas do campo que não podia. Isso deu a eles o primeiro e o segundo gols. Demoramos para entender que o jogo não era de pé em pé, mas jogando mais no espaço, pelas condições do campo e como o adversário marcava. Quando entendemos isso e colocamos mais atitude, fomos superiores”, disse o técnico Ricardo Catalá.

A partida marcou o fim do primeiro turno. Agora, o Toro Loko volta a campo no próximo sábado, contra o XV de Piracicaba, em Campinas.

“Temos de potencializar as coisas boas. Somos uma equipe sólida, equilibrada, mas está faltando desequilíbrio na frente. Essa sequência de seis jogos tem de servir para nos organizarmos, nos conhecermos melhor, para começar o segundo turno somando vitórias e não mais tantos empates”, completou o treinador.

O JOGO

O primeiro tempo teve poucas oportunidades de gol para as duas equipes. O Toro Loko levou perigo com uma falta batida por Everton, já o Desportivo Brasil respondeu com um cruzamento rasteiro de Vinicius Bala, que o ataque chegou atrasado.

Na segunda chance, contudo, os donos da casa não desperdiçaram. Vieira aproveitou passe já na área e abriu o placar. Logo aos dez minutos da etapa final, Tito fez 2 x 0 para a equipe de Porto Feliz.

Everto, novamente em cobrança de falta, chegou perto do gol, mas foi Claudinho, que voltou a vestir a camisa do Toro Loko neste sábado, que diminuiu após passe de Deivid, aos 31 minutos.

O Red Bull veio para cima em busca do empate e, na base da vontade, conseguiu aos 45 minutos. Railan recebeu de Deivid e cruzou na medida para Ytalo empatar a partida.

FICHA TÉCNICA

Desportivo Brasil 2 x 2 Red Bull Brasil

Local: Estádio Municipal Ernesto Rocco, em Porto Feliz

Árbitro: José de Araújo Ribeiro Júnior

Público e renda: 340/R$ 2.275

Cartões amarelos: Willian, Djair e Vieira (Desportivo Brasil); Douglas, Amarildo e Rayne (Red Bull Brasil)

Gols: Vieira (41/1T), Tito (10/2T), Claudinho (31/2T) e Ytalo (45/2T)

 

Desportivo Brasil: Eder; Léo Santos, Willian, João Pedro e Thiago Pereira; Djair (Romulo), Lima e Nelsinho (Thiago); Vinicius Bala, Tito (Chen Pu) e Vieira

T: Edson Paulista

Red Bull Brasil: Julio Cesar; Lucas Urias (Claudinho), Douglas, Rayne e Acácio (Anderson Marques); Gabriel Silva (Railan), Everton e Léo Castro; Lucas Nathan, Deivid e Ytalo

T: Ricardo Catalá