Copa Paulista

04.09.2018

Antônio Carlos Zago é o novo técnico do Toro Loko

Comandante assistiu ao empate com a Ferroviária e, nesta semana, já começa a treinar a equipe

O Red Bul Brasil veio a Araraquara, para enfrentar a Ferroviária, com uma mudança: Antônio Carlos Zago é o novo treinador da equipe. Junto com ele, chega o auxiliar técnico Carlos Pacheco.

Ele ainda não ficou no banco de reservas, mas viu o interino Gustavo Almeida comandar a equipe no empate por 1 x 1, gol de Léo Castro.

“Importante voltar ao futebol paulista, ainda mais para uma equipe como o Red Bull Brasil, com a estrutura que tem. Um clube que vem desenvolvendo um projeto importante no futebol. É um desafio importante, esperando sempre fazer o melhor. Começando com a Copa Paulista, quem sabe conquistando uma vaga na Série D, que é o objetivo do ano. Não vejo a hora de começar, estou há uns dois meses parado e não aguento mais ficar em casa”, disse Zago.

A estreia do novo comandante será na quarta-feira da próxima semana, contra o Noroeste, em Campinas.

“Vi o primeiro jogo, classificação não diz o que a equipe vem fazendo. Nesse jogo, no segundo tempo, foi bem superior e merecia a vitória. Estrutura para trabalho temos as melhores possíveis. Agora, é trabalhar com seriedade, um ajudando ao outro para conquistarmos o objetivo desse ano”, completou.

O JOGO

Jogando em casa, a Ferroviária começou a partida criando mais chances de gol e, aos 15 minutos, balançou a rede. Caique recebeu de Tom dentro da área e chutou para abrir o placar.

O Red Bull Brasil foi encaixando a marcação e melhorou na metade final. Gustavo e Everton, com dois chutes de fora da área, obrigaram Gabriel Leite a trabalhar.

Precisando de um resultado positivo, o Toro Loko veio para cima no segundo tempo. Desde o primeiro minuto, ficou mais tempo com a bola e foi mais objetivo.

Claudinho chegou perto duas vezes, mas quem igualou o marcador foi Léo Castro. Aos 17 minutos, o camisa 9 recebeu cruzamento rasteiro de Railan e completou para o gol.

A Ferroviária teve ótima chance de marcar o segundo com Caio Mancha, dentro da pequena área, mas Julio Cesar fez milagre praticamente em cima da linha.

As duas equipes buscaram a vitória, mas a bola não entrou: 1 x 1 no placar.

 

FICHA TÉCNICA

Ferroviária 1 x 1 Red Bull Brasil

Local: Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara

Árbitro: Alysson Fernandes Matias

Público e renda: 810/R$ 9.640

Cartões amarelos: Diogo e Elton (Ferroviária); Claudinho e Jean (Red Bull Brasil)

Gols: Caique (15/1T) e Léo Castro (17/2T)

Ferroviária: Gabriel Leite; Vinicius, Elton, Raniele e Diogo (Fábio Souza); Mateus Cancian, Caique (Higor Meritão) e Pedro do Rio (Elvis); Felipe Ferreira, Tom e Caio Mancha

T: Vinicius Munhoz

Red Bull Brasil: Julio Cesar; Railan, Anderson Marques, Rayne e Lucas Urias; Jean, Maicon e Everton (Lucas Nathan); Gustavo (Tito), Claudinho (Ytalo) e Léo Castro

T: Gustavo Almeida