Campeonato Paulista 2016

12.03.2016

1, 2, 3, 4… Toro Loko vence a quarta seguida

Red Bull Brasil bateu o Linense por 3 x 0 e se manteve na segunda posição do Grupo D

O Red Bull Brasil sabia que o jogo contra o Linense, fora de casa, seria bem complicado, mas, depois de um 0 x 0 no primeiro tempo, a equipe campineira voltou voando e garantiu a vitória por 3 x 0.

O quarto resultado positivo consecutivo no Paulistão manteve o Toro Loko na segunda posição do Grupo D, com 16 pontos, De quebra, Roger empatou com Willian Pottker na artilharia do campeonato: sete gols cada (Misael e Rafael Costa fizeram os outros do Red Bull Brasil).

No próximo sábado, às 16h, o Toro Loko recebe o Oeste no Moisés Lucarelli.

“Fizemos bom jogo. A gente sabia que seria complicado e foi. Eles tiveram chances e não colocaram pra dentro. A gente soube aproveitar. Superamos as adversidades e isso demonstra a força do grupo”, disse o técnico Mauricio Barbieri.

“Foi uma vitória importante, mas não ganhamos nada. Podemos ir mais longe. Esse é um grupo que se cobra e não vamos deixar o ritmo cair”, completou Misael, autor do primeiro gol.

O JOGO
Todo mundo apareceu para o jogo, Red Bull Brasil, Linense, juiz, torcida… Mas ninguém veio com mais vontade do que o sol. O forte calor em Lins dificultou a vida dos jogadores.

O primeiro tempo foi bastante estudado, com as duas equipes praticamente se anulando. Tanto que poucas chances foram criadas.

Paulo Henrique levou perigo para o gol de Saulo, e Misael, em jogada pela esquerda, deu trabalho para a defesa do Linense. Isso sem contar um lance duvidoso em que Roger foi desequilibrado na área, mas o juizão mandou a partida seguir.

Os times foram para o intervalo e o Toro Loko voltou voando. Aos 9 minutos, Edmilson recebeu belo passe de Maylson e cruzou na medida para Misael marcar de cabeça.

Roger também queria o dele e não demorou a sair. Aos 21 minutos, o camisa 9 aproveitou rebote da zaga e bateu colocado, de fora da área, para ampliar.

Mesmo com o time mais cansado, deu tempo de fazer o terceiro. Rafael Costa pegou rebote do goleiro e bateu de fora da área para dar números finais ao jogo, em mais um importante passo rumo à vaga para a Série D do Brasileiro.

FICHA TÉCNICA
Linense 0 x 3 RED BULL BRASIL

Local: Estádio Gilbertão, em Lins
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Público e renda: 5.219/R$ 25.830
Cartões amarelos: Anderson Aquino, Bileu, Thiago Humberto e Paulo Henrique (Linense); Everton Silva (RED BULL BRASIL)
Gols: Misael (9/2T), Roger (21/2T) e Rafael Costa (47/2T)

Linense: Oliveira; Paulo Henrique, Jorge Luiz, Rodrigo Lobão e Lazaroni; Bileu (Rogerinho), Marcão, Fillipe Soutto (Leandro Brasília) e Thiago Humberto; Anderson Aquino (Schumacher) e Willian Pottker
T: Moacir Júnior

RED BULL BRASIL: Saulo; Everton Silva, Anderson Marques, Diego Sacomam e Breno Lopes (Drausio); Nando Carandina (Luan), Maylson e Thiago Galhardo (Rafael Costa); Misael, Roger e Edmilson
T: Mauricio Barbieri

Linense 0 x 3 Red Bull Brasil