Campeonato Paulista 2015

08.02.2015

Diante do Santos, Red Bull Brasil sofre a primeira derrota no Paulistão

Com todos os gols marcados no primeiro tempo, time santista venceu por 2 x 1 na cidade de São José do Rio Preto

O Red Bull Brasil sofreu a sua primeira derrota na Série A1 do Campeonato Paulista. Em partida disputada neste domingo, na cidade de São José do Rio Petro, o Toro Loko enfrentou o Santos e perdeu por 2 x 1 pela terceira rodada do estadual. Com o resultado, o time campineiro permanece com quatro pontos e na terceira colocação do grupo 1.

O primeiro tempo reservou grandes emoções aos torcedores que compareceram ao estádio Benedito Teixeira. Com praticamente todos o público a seu favor, o Santos fez uma blitz logo no início do jogo e conseguiu o gol com apenas três minutos, em um lance de infelicidade de Fabiano Eller, que tentou cortar o chute de Geuvânio e mandou a bola pra dentro do gol.

Passada a pressão do início do jogo, o Red Bull Brasil conseguiu manter a possa de bola, e criou boas oportunidades pelas laterais do campo, principalmente com a velocidade do atacante Wilson Júnior. O Santos também levou perigo nos rápidos contra-ataques puxados pelo garoto Geuvânio.

Quanto tudo caminhava para o final do primeiro tempo, dois gols em pouco mais de dois minutos acenderam a partida novamente. Primeiro com o Red Bull Brasil, aos 44 minutos. O lateral Jonas cobrou falta pela direita e o atacante Edmilson cabeceou pra baixo e empatou a partida.

A igualdade no placar durou pouco. Aos 46 minutos, o zagueiro Anderson Marques recuou a bola para Juninho, e Thiago Ribeiro se antecipou no lance. O goleiro tentou fazer o corte com os pés e o árbitro assinalou pênalti alegando ter havido toque no jogador santista. Ricardo Oliveira cobrou e colocou o Santos novamente em vantagem antes da descida para o vestiário.

No segundo tempo, a vantagem de posse de bola do Red Bull Brasil foi ainda mais evidente. O time campineiro, no entanto, teve dificuldades para furar a defesa santista, e as oportunidades de gols foram raras. A melhor delas aconteceu aos 25 minutos, quando Edmilson arriscou de fora da área e levou muito perigo a meta do goleiro Vanderlei. A partida seguiu com esse cenário até o apito final do árbitro, que garantiu os três pontos para o time do Santos.

“A partir do momento em que conseguiu a vantagem, a equipe deles recuou e se fechou atrás. O campo não é rápido, então nós tivemos que tomar cuidado para não cometer erros e ficarmos expostos aos contra-ataques. Dentro do que o campo permitiu, nós fizemos isso. Não criamos tantas oportunidades de gols como gostaríamos, é verdade, mas faltou colocar pra dentro as que tivemos”, declarou o técnico Mauricio Barbieri ao final do jogo.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 X 1 RED BULL BRASIL

Local: Estádio Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto (SP)
Horário: 19h30
Data: 08/02/2015 – Domingo
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Fabricio Porfirio de Moura e Mauro André de Freitas
Público e Renda: 8.158 / R$ 289.635,00
Gols: Fabiano Eller (CONTRA), aos 2’1ºT, Ricardo Oliveira, aos 47’1ºT (SAN); Edmilson, aos 44’1ºT (RED BULL BRASIL)
Cartões amarelos: Wilson Júnior, Éverton Silva, Juninho, Jonas (RED BULL BRASIL); Cicinho e Alisson (SAN)
Cartão vermelho: Cicinho, aso 43’2ºT (SAN)

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz (Cicinho, aos 15’2ºT), David Braz, Werley e Chiquinho; Alison, Renato, Lucas Lima e Thiago Ribeiro (Elano, aos 15’2ºT); Geuvânio e Ricardo Oliveira (Lucas Crispim, aos 33’2ºT). Técnico: Enderson Moreira.

RED BULL BRASIL: Juninho; Jonas (Éverton Silva, aos 27’2ºT), Anderson Marques, Fabiano Eller e Romário; Andrade (Gustavo Scarpa, aos 35’2ºT), Jocinei e Lulinha; Raul, Wilson Júnior (Rychely, aos 11’2ºT) e Edmilson. Técnico: Mauricio Barbieri.

Veja as imagens da partida: